Vicente Pires

Vicente Pires tem renda mensal entre 5 e 20 salários

A região já foi habitada por índios e fazendeiros e guarda uma história de famílias em busca do novo. Tudo começou com um processo de expansão da área de produção rural da Colônia Agrícola de Águas Claras. Essas famílias, que tinham prazo estipulado para residir nas terras, extraíam da natureza o que podiam. Produziam produtos hortifrutigranjeiros, leite de cabra e bovino, milho, feijão e vinho e criavam pombos-correio. E assim, em 2009 nasceu Vicente Pires, a 30ª Região Administrativa do Distrito Federal.

Desmembrada da RA de Taguatinga, compreendeasantigascolôniasagrícolas VicentePires, Samambaia e Vila São José. Possui uma localização estratégica, situada entre cidades importantes como Guará, Águas Claras, Park Way e Taguatinga. Atualmente há cerca de 20 mil domicílios e uma população urbana estimada em 75.162 habitantes, segundo Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios (PDAD), realizada em 2010 pela Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan).

A principal atividade remunerada dos moradores está na administração pública (27,1%) e no comércio (23,4%). Serviços em geral e outras atividades são responsáveis por 16,2% dos postos de trabalho. A renda da população é significativa. Mais da metade dos domicílios urbanos tem renda média mensal entre cinco e vinte salários mínimos. A renda média é de 11,7 salários mínimos (quase R$ 6 mil) por família e 3,4 salários mínimos por pessoa. Os que recebem acima de vinte salários mínimos representam 14,3% dos trabalhadores.

Vista aérea da cidade (Foto: Augusto Areal)

A maior parte da população de mais de 75 mil habitantes, porém, não trabalha na RA. A economia local absorve apenas 13,7% da mão de obra. Em torno de 60% dos moradores trabalham em Brasília e Taguatinga. São também expressivos os números daqueles que ocupam postos de trabalho no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA) e em Ceilândia (ambos têm uma participação de 11%).

A metade da população de Vicente Pires é natural do Distrito Federal. Quanto ao grau de instrução, a maior parte ainda está cursando o ensino fundamental e médio. No entanto, cerca de um quinto dos moradores já concluiu o nível superior, incluindo curso de especialização, mestrado e doutorado.

Desde 2007 a Feira do Produtor abastece a região todos os dias, e nos fins de semana há maior oferta de produtos hortifrutigranjeiros, das 6h às 16h. Além disso, foi criada pela comunidade a Associação da Feira de Artesanato, que promove peças artesanais e expõe uma vez por ano. Neste ano haverá a segunda edição, a data será divulgada pela administração da RA XXX.

Vicente Pires possui uma das comunidades mais atuantes do DF. Por meio da Associação dos Moradores são realizadas ações coletivas de toda natureza. Na área da segurança, por exemplo, a população participa das decisões do Conselho de Segurança e auxilia o trabalho da 38ª Delegacia de Polícia e dos dois postos de segurança comunitária vinculados ao 17ª Batalhão de Polícia Militar. A cidade tem ainda duas escolas públicas, uma praça, igrejas e um Ponto de Encontro Comunitário.

Administração Regional: 
AE n° 1, Centro Comunitário – Setor Habitacional
Vicente Pires-DF, CEP: 72110-800
Fones: (61) 3397-6181/33837500
Fax: (61) 33837506
E-mail: arvips@gmail.com
Site: www.arvips.com.br