Warning: mysql_close(): no MySQL-Link resource supplied in /home/storage/2/32/fd/anuariododf/public_html/wp-content/themes/anuariododf/functions.php on line 1273
 Perfil do turista de negócios de Brasília | Anuário do DF

Perfil do turista de negócios de Brasília

Os turistas de Brasília são divididos em dois grupos: o de negócios e o de lazer, e praticamente 60% dos que vêm à sede do governo federal e distrital têm na agenda compromissos de trabalho ou participação em congressos. Menos de 7% dos turistas visitam a cidade pensando em se divertir.

Seja a negócios seja a lazer, o turista geralmente chega a Brasília por avião (66,59% e 54,8%, respectivamente), sendo ônibus e carro suas outras opções de transporte. O tempo de estada (de dois a três dias) e a quantidade de vezes que visita a cidade por ano (apenas uma) também são semelhantes nos dois grupos.

O turista, na maior parte das vezes, viaja sozinho a Brasília. Mesmo estando de férias, a maioria viaja desacompanhada (28,4%). Os que vêm com familiares (24,3%), em casal (23,3%) e em excursão (13%) são em menor número. Dos que viajam a trabalho, quase 60% estão sozinhos na cidade. Outros 27,40% estão acompanhados de colegas da empresa.

Turistas de negócios (42,42%) e turistas de lazer (39,6%) gastam, mais ou menos, a mesma quantia diariamente na cidade, entre R$ 100 e R$ 300. Os que estão a passeio tendem a ser mais econômicos do que os turistas de negócios. Não chega a 5% o total dos que gastam mais de R$ 500 entre os que estão de férias, ao passo que no grupo dos que estão a serviço esse número sobe para 8,37%.

Ambas as categorias de turistas recomendam Brasília a familiares e amigos, principalmente pela beleza arquitetônica e pela importância como sede do poder político. No grupo de lazer, o índice chega a 95%, enquanto entre os turistas de negócios é de 85%.

Segundo pesquisa do Centro de Excelência em Turismo (CET) da UnB, os turistas de negócios são oriundos principalmente de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. Geralmente possuem curso superior completo e grande número tem pós-graduação, sendo bastante exigentes e atentos à qualidade dos serviços. Os principais países emissores de turistas estrangeiros para Brasília são Estados Unidos, Alemanha, França, Espanha, Itália e Argentina.

O turista de negócios se locomove de táxi e nas horas vagas não procura realizar atividades de entretenimento em Brasília, como visitas a cinemas, teatros, parques, museus ou exposições. Para a maioria, os motivos para permanecer por um fim de semana em Brasília estão relacionados a preços mais baixos, promoções e informações sobre o que há para fazer na cidade. Quando esse turista decide passear, sua primeira opção é a Catedral, seguida de shoppings e da Praça dos Três Poderes.

A maior parte dos turistas de negócios não pretende retornar à capital (58,4%) porque considera a cidade sem opções de lazer ou acha os preços muito altos. No grupo dos turistas de lazer, a grande maioria (93,4%) quer voltar a visitar Brasília, seja pela beleza da cidade, pelas pessoas ou pela qualidade de vida.